Bahia, 29 de fevereiro de 2024 às 22:31 - Escolha o idioma:

Ministro da Previdência diz que fila do INSS nunca vai acabar


- Crédito da Foto: Valter Campanato/Agência Brasil - Publicado em: 5 de janeiro de 2024


Durante o discurso na abertura do curso de formação de concursados em Brasília, na quarta-feira (3), o ministro da Previdência, Carlos Lupi, declarou que a fila de beneficiários do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) “nunca será eliminada”.

Lupi enfatizou que afirmar o fim da fila seria desonesto, explicando que a cada mês são recebidos 900 mil a 1 milhão de novos pedidos, o que torna inviável uma resolução imediata, dada a necessidade de verificação de documentos e a busca pela justiça no processo.

Apesar disso, o ministro projeta uma redução no tempo de espera ainda este ano. “Eu almejo, em 2024, alcançar o prazo de 30 dias para a conclusão do benefício. Isso significa que, no próprio mês em que a pessoa solicitar, o processo será finalizado”, destacou Lupi. Ele informou que, no momento, o tempo médio de espera para a análise dos pedidos é de 49 dias, contrastando com os 97 dias necessários no início da gestão Lula (PT), conforme detalhado pelo ministro.