Bahia, 14 de agosto de 2022 às 09:13 - Escolha o idioma: pt Português

“Não existe acordo para retirar meu nome da disputa ao Governo da Bahia”, diz Jerônimo Rodrigues


Publicado em: 29 de julho de 2022


O pré-candidato ao Governo da Bahia e ex-secretário da Educação, Jerônimo Rodrigues (PT), afirmou que não existe negociação nacional para a retirada de sua candidatura, conforme noticiado por portais de notícias, esta semana.

“Não existe acordo para retirar meu nome da disputa ao governo da Bahia. Isso é conversa de derrotado. Sabe aquela situação, quando você vai para uma partida de futebol, tem medo do outro time e pede que ele saia de campo? Então, é mais ou menos isso. Bateu a sensação de derrota e está querendo tirar o candidato da partida”, disse.

Segundo o colunista Guilherme Amado, do site Metrópoles, o União Brasil, que tem como secretário-geral ACM Neto, gostaria que o PT retirasse a candidatura de Jerônimo ao governo para que Luciano Bivar (UNIÃO) desista de disputar à Presidência. Neste cenário, o PT declararia apoio a ACM Neto na eleição estadual. Pelo desenho, Bivar ganharia a vaga de senador na chapa de Danilo Cabral, do PSB, em Pernambuco, e o União Brasil apoiaria a candidatura de Fernando Haddad (PT) no pleito pelo governo de São Paulo. A sigla indicaria o vice do petista, caso a composição fosse fechada.

Ao negar essa possibilidade, Rodrigues lembrou ainda que, neste sábado, 30, acontecerá a convenção do Partido dos Trabalhadores (PT) no Parque de Exposições, em Salvador, para oficializar a sua candidatura.