Bahia, 14 de agosto de 2022 às 10:25 - Escolha o idioma: pt Português

Secretário de Comunicação pede exoneração em meio a turbilhão de denúncias contra Governo


Publicado em: 4 de agosto de 2022


O secretário de Comunicação da Prefeitura de Feira de Santana, Edson Felloni Borges, pediu exoneração do Governo Municipal, em meio a um turbilhão de denúncias que abalam a administração do prefeito Colbert Martins Filho. A noticia foi confirmada pelo jornalista Rafael Velame, do Blog do Velame, nesta quinta-feira (04), mesmo dia em que a Polícia Federal realizou operação para investigar denúncias de corrupção na Secretaria de Saúde, afastando o secretário titular desta pasta, Marcelo Britto, e também o de Governo, Denilton Brito.

Já era era  previsto que as férias dos secretários de Saúde, Marcello Brito, e de Comunicação Social, Edson Felloni Borges, poderiam ser transformadas em afastamentos definitivos dos cargos. E que os secretários interinos poderiam já estarem sendo testados para exercerem as funções.

As investigações da Polícia Federal ocorrem após denúncias formalizadas por vereadores feirenses. E a Câmara Municipal anuncia a abertura de pelo menos 10 CPIs contra a administração do prefeito Colbert Martins Filho, sendo que uma delas mira também a Secretaria de Comunicação Social, que tinha à frente justamente Edson Felloni Borges.

O secretário da Secom está oficialmente de férias desde o dia 1º deste mês. Ele alega ter cinco férias vencidas. Entretanto, por lei, ocupante de cargo de provimento temporário não acumula férias de uma gestão para outra, ainda que com a reeleição do mesmo gestor, recebendo os vencimentos em espécie. Em seu lugar está interinamente a jornalista Renata Maia, ex-repórter da TV Subaé e que poderá assumir definitivamente o cargo.

Veja a seguir a íntegra da matéria do Blog do Velame:

“O secretário de Comunicação de Feira de Santana, Edson Borges, pediu exoneração do cargo.  A informação que chega ao Blog do Velame é que o experimente jornalista pediu pra deixar o Governo Colbert duas semanas atrás, mas com benefícios acumulados, acabou sendo colocado de férias para “repensar” a decisão.  Entretanto, ao ser procurado pelo blog na tarde de quarta-feira, 4 de agosto, Borges confirmou que está decidido a deixar o cargo e apenas aguarda a exoneração ser publicada no Diário Oficial. Ele ocupa a chefia da Secom desde o segundo semestre de 2020.

Um nome já é dado como certo para substitui-lo. Trata-se da ex-repórter da TV Subaé, Renata Maia, que, na ausência do secretário titular, já “manda e desmanda” no Governo e mantém relação de confiança com o prefeito.  Outro nome ventilado, é o do jornalista Andrews Pedra Branca, que atualmente é um dos jornalistas mais experientes atuando na Secom feirense.” (Fonte: Blog do Velame)